Por Thiago Olim

 

O N10 Jundiaí faz nesta sexta-feira (25) a sua estreia na edição de 2020 da Liga Paulista de Futsal. A equipe pelo segundo ano consecutivo participa da competição. O primeiro jogo será contra o Pulo de Campinas, a partir das 18h45, no ginásio Rogê Ferreira, em Campinas.

 

A equipe jundiaiense espera realizar uma campanha superior ao ano passado, quando foi eliminada ainda na primeira fase de classificação. E é a expectativa da comissão técnica do N10 Jundiaí.

 

“Boa parte do grupo ainda está focada em melhorar a parte física. Assim, vamos com o que temos de melhor para essa partida de estreia em Campinas. A expectativa é boa, por enfrentar uma equipe tradicional e fortíssima na casa deles. É sempre bom respeitar”, conta o treinador Andrezinho, via assessoria de imprensa.

 

“Ao lado do meu auxiliar, o Rodolfo, e o preparador físico, o Murilo, temos que colocar em evidência o trabalho feito nas últimas semanas, para que todos vejam que o N10 é uma equipe forte”, completa.

 

Formato

Neste ano a competição será realizada entre setembro e dezembro. Diferentemente da temporada passada, quando os times foram divididos em duas chaves, desta vez serão quatro grupos regionais de quatro equipes, totalizando 16 participantes.

 

O N10 Jundiaí, está no grupo B, ao lado de Indaiatuba, Pulo de Campinas e Hortolândia. Formam o grupo A, Corinthians, Santo André, Taboão e São Bernardo, o grupo C tem as equipes Mogi das Cruzes, Taubaté, Yoka de Guaratinguetá e Brutos de Limeira, enquanto o grupo D conta com Botucatuense, Araraquara, Dracena e Barão de Ribeirão Preto.

 

“O campeonato é de tiro curto, uma vez que são apenas três jogos de ida e outros três de volta para serem definidas as classificações. Então, estamos traçando nossa estratégia jogo após jogo para chegar na última rodada com uma definição boa de classificação”, analisa Andrezinho.

 

O primeiro colocado de cada grupo tem vaga garantida nas quartas de final. As equipes que terminarem entre segundo e terceiro lugares disputam as oitavas. Com exceção da decisão, todos os jogos dos playoffs terão ida e volta. A final, em jogo único, pode ser decidida nos pênaltis se o empate ocorrer no tempo normal e persistir após a prorrogação. Nas outras fases, em caso de uma vitória para cada time ou dois empates, haverá uma prorrogação, que se classificam com o empate o time de melhor campanha.