Por Thiago Olim - Foto: Divulgação - WNBA

 

Não foi dessa vez que o Brasil conseguiu colocar novamente uma integrante nas finais da WNBA. Com a difícil missão de ganhar três jogos consecutivos, o Minnesota Lynx, de Damiris Dantas, ex-jogadora de basquete feminino de Jundiaí, entrou em quadra no domingo (27) tendo de vencer o Seattle Storm para não ser varrido dos playoffs. A equipe não jogou bem o primeiro e o último quartos e acabou caindo por 92 a 71.

 

A ex-jogadora de basquete feminino, quando o time chamada Divino/Jundiaí, fez 16 pontos e pegou sete rebotes, sendo a segunda maior anotadora do Lyn .

 

Com a terceira vitória na série, o Seattle Storm avança para as finais da WNBA e o Minnesota está eliminado. As atuações da brasileira na pós-temporada foram uma continuação do ela vinha fazendo durante a temporada regular. Foram 18 pontos de média, oitava melhor marca de toda a WNBA. Suas performances lhe deram uma extensão de contrato por mais um ano.