Por Thiago Olim

 

O São Paulo chegou a Belo Horizonte para a partida desta quinta-feira (3) com a possibilidade de dividir a liderança do Campeonato Brasileiro. O time começou bem, mas teve pela frente a ótima equipe do Atlético-MG e ainda se sentiu prejudicado por um gol anulado pelo VAR no Mineirão. O equatoriano Alan Franco (duas vezes) e Jair construíram a vitória dos mineiros por 3 a 0, no complemento da sétima rodada.

 

O São Paulo termina a rodada na segunda posição, com 13 pontos, três a menos que o Internacional, atual líder. Do outro lado, o Atlético-MG sobe para a terceira colocação, com 12 pontos, ainda com um jogo a menos em relação aos dois primeiros.

 

Tanto Jorge Sampaoli, quanto Fernando Diniz, gostam de propor o jogo ofensivo. Bem por isso, os dois times arriscaram inúmeros chutes a gol no primeiro tempo. O Tricolor acertou a trave duas vezes e ainda teve o gol anulado de Luciano, aos 28 minutos, impedido por milímetros segundo análise do assistente de árbitro de vídeo. O Galo converteu em gol as suas duas melhores chances, aos 34 e aos 43 minutos, as duas com Alan Franco em ótimas finalizações, em contra-ataques.

 

No segundo tempo, com o time em busca da quarta vitória seguida, Diniz fez mudanças que não deram certo na equipe. Pelo contrário, ainda viu Jair, que vinha tomando conta do meio-campo adversário, marcar o terceiro para a equipe de Sampaoli, que vinha de duas derrotas, e acabar com qualquer chance de reação.

 

As duas equipes voltarão a campo no domingo (6), já pela oitava rodada da competição nacional. O Atlético-MG encara o Coritiba, fora de casa, no Couto Pereira; e o São Paulo mede forças com o Fluminense, no Morumbi.