Por Thiago Olim

 

Os rebaixamentos nas três séries do Campeonato Paulista nesta década terminaram neste final de semana com a definição da queda dos dois piores da Série A3 do Paulistão. E o Paulista ganhou uma coroa que ninguém gosta de ter em sua cabeça – um dos reis do rebaixamento no Paulistão. Com a queda do último sábado, em Rio Claro, o Galo sofreu o seu quarto rebaixamento nesta década, que começou em 1º de janeiro de 2011 e termina agora no dia 31 de dezembro de 2020.

 

O Paulista, ao lado de Comercial de Ribeirão e Marília sofreram quatro rebaixamentos cada um. Só que diferente dos dois rivais, o Tricolor foi o que mais sofreu quedas da 3ª para o último nível do futebol paulista: foram duas quedas nos últimos dez anos da A3 para ‘Bezinha’. O Comercial, dos quatro rebaixamentos, dois foram da Série A1 para Série A2 do Paulistão (2012 e 2014) e o Marília teve duas quedas da Série A2 para Série A3 nestes dez anos (2011 e 2016).

 

No total 65 agremiações sofreram rebaixamento no futebol paulista, em qualquer uma das três divisões, nesta década. Apenas para o leitor ter conhecimento, nesta temporada, nas quatro divisões do futebol paulista, estarão ativos 83 clubes.

Clube

Quedas

Temporadas

Paulista

4

A1 2014

A2 2016

A3 2017

A3 2020

Marília

4

A2 2011

A1 2015

A2 2016

A3 2018

Comercial

4

A1 2012

A1 2014

A2 2015

A3 2017

São Carlos

3

A2 2013

A3 2014

A3 2019

Barbarense

3

A1 2013

A2 2017

A3 2018

Mogi Mirim

3

A1 2016

A2 2017

A3 2018

Rio Branco

3

A2 2011

A2 2016

A3 2018

Catanduvense

3

A1 2012

A2 2015

A3 2017

Grêmio Barueri

3

A1 2011

A2 2014

A3 2016

Guaratinguetá

3

A1 2012

A2 2015

A3 2016

Noroeste

3

A1 2011

A2 2013

A3 2014

Oeste

3

A1 2014

A1 2016

A1 2020

Grêmio Osasco

2

A2 2014

A3 2020

Taboão da Serra

2

A3 2012

A3 2019

Matonense

2

A2 2015

A3 2018

Independente

2

A2 2016

A3 2017

Itapirense

2

A2 2014

A3 2016

São José

2

A2 2014

A3 2016

Santacruzense

2

A2 2013

A3 2015

América de Rio Preto

2

A2 2012

A3 2014

Palmeiras B

2

A2 2012

A3 2013

União São João

2

A2 2012

A3 2013

Penapolense

2

A1 2015

A2 2020

Linense

2

A1 2018

A2 2019

Audax

2

A1 2017

A2 2018

Capivariano

2

A1 2016

A2 2017

Rio Preto

2

A2 2012

A2 2017

Barretos

2

A3 2013

A2 2017

Atlético Sorocaba

2

A1 2014

A2 2016

Água Santa

2

A1 2016

A1 2020

São Caetano

2

A1 2013

A1 2019

São Bento

2

A2 2011

A1 2019

Santo Andre

2

A1 2011

A1 2018

São Bernardo FC

2

A1 2011

A1 2017

Portuguesa

2

A1 2012

A1 2015

Manthiqueira

1

A3 2018

Joseense

1

A3 2017

Flamengo de Guarulhos

1

A3 2017

Primavera

1

A3 2016

Fernandópolis

1

A3 2016

Cotia

1

A3 2015

Tupã

1

A3 2015

Francana

1

A3 2015

Guaçuano

1

A3 2014

São Vicente

1

A3 2013

Inter de Bebedouro

1

A3 2012

XV de Jaú

1

A3 2012

Osvaldo Cruz

1

A3 2012

Taquaritinga

1

A3 2011

Lemense

1

A3 2011

Paulínia

1

A3 2011

Sport Barueri

1

A3 2011

Votuporanguense

1

A2 2020

Nacional

1

A2 2019

Batatais

1

A2 2018

Velo Clube

1

A2 2017

Monte Azul

1

A2 2016

Juventus

1

A2 2013

Sertãozinho

1

A2 2011

XV de Piracicaba

1

A1 2016

Rio Claro

1

A1 2016

Bragantino

1

A1 2015

Mirassol

1

A1 2013

Guarani

1

A1 2013

Legenda:

Ativos em 2020

Linenciados

Extintos

 

* Não entra nesta estatística o rebaixamento do Red Bull Brasil da A1 para A2 foi por questão administrativa devido a compra da empresa Red Bull do Bragantino, e um clube não pode administrar dois clubes na mesma série

Das 83 equipes que atualmente disputam da 1ª a 4ª divisão do Paulistão, 17 nesta década não sofreram qualquer tipo de descenso.

 

Clubes das Séries A1, A2 e A3 deste ano que não sofreram nenhum rebaixamento dentro de capo em qualquer série do Campeonato Paulista desta década

- Santos (atualmente está na A1)

- Palmeiras (atualmente está na A1)

- Corinthians (atualmente está na A1)

- São Paulo (atualmente está na A1)

- Ponte Preta (atualmente está na A1)

- Novorizontino (atualmente está na A1)

- Botafogo de Ribeirão (atualmente está na A1)

- Inter de Limeira (atualmente está na A1)

- Ituano (atualmente está na A1)

- Ferroviária (atualmente está na A1)

- Taubaté (atualmente está na A2)

- Portuguesa Santista (atualmente está na A2)

- Atibaia (atualmente está na A2)

- Red Bull Brasil (atualmente está na A2)

- Esporte Clube São Bernardo (atualmente está na A3)

- Olímpia (atualmente está na A3)

- Desportivo Brasil (atualmente está na A3)

* Como explicado não entra nesta estatística o rebaixamento do Red Bull Brasil da A1 para A2 foi por questão administrativa devido a compra da empresa Red Bull do Bragantino, e um clube não pode administrar dois clubes na mesma série