Corinthians e Palmeiras voltaram a fazer um jogo equilibrado na segunda semifinal do Brasileirão Feminino. Na noite desta segunda-feira, na Neo Química Arena, em São Paulo, o Corinthians se deu melhor, venceu por 3 a 0, com dois gols nos acréscimos, e avançou à final. No agregado, o placar final foi de 3 a 0. Pelo quarto ano seguido o Timão está na final.

A equipe de Parque São Jorge foi vice-campeã em 2017 (perdeu por 3 a 0 na série para o Santos), venceu em 2018 (ganhou por 5 a 0 do Rio Preto na série) e perdeu no ano passado para a Ferroviária (1 a 1 no agregado e 4 a 2 nos pênaltis para o time de Araraquara).  

Classificado, o Corinthians disputará o título com o Avaí/Kidermann-SC, que superou o São Paulo por 3 a 2 no placar agregado. As datas estão previstas para 22 de novembro e 6 de dezembro, mas ainda serão confirmadas pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Apesar das dificuldades, o Corinthians conseguiu mostrar superioridade e criou as melhores chances. Com essa pressão, o placar foi aberto no primeiro tempo. Após cobrança de escanteio de Andressinha, Poliana subiu alto e cabeceou no cantinho.

A partida no segundo tempo foi mais nervosa e truncada.

Nos acréscimos, o Corinthians marcou dois gols e definiu sua classificação. Aos 46, Ingryd marcou um gol olímpico e, depois, Diany chutou da entrada da área para marcar, contando com desvio da marcadora.


Por Thiago Batista de Olim - Foto: Divulgação