No confronto entre o líder e o lanterna, tudo terminou como começou. Na Arena Condá, em Chapecó (SC), a Chapecoense, do treinador Umberto Louzer (ex-Paulista) não saiu do zero a zero contra o Oeste, apesar do amplo domínio na partida, neste sábado, pela 20ª rodada da Série B do Brasileirão.

Apesar do empate, a Chapecoense manteve a liderança, com 41 pontos - cinco a mais que o vice-líder América-MG. O Oeste segue na lanterna, com oito.  

Logo no primeiro minuto, Willian Oliveira quase abriu o placar em cabeceio, mas a bola passou pelo lado direito da meta. Com exceção de falta cobrada pelo lateral Raí Ramos, do Rubrão, todas as grandes chances da etapa inicial foram do time da casa, incluindo uma bola desviada por Aylon que pegou na trave, aos 29 minutos.

No segundo tempo, a primeira boa chance partiu mais uma vez de Willian Oliveira em chute de longe, obrigando Caíque França a salvar o Oeste aos 18 minutos. Na sequência, o time visitante respondeu em boa jogada de Bruno Alves, defendida por João Ricardo.

Apesar das posições das duas equipes na tabela, os paulistas conseguiram suportar a pressão da Chape e saíram com um ponto. No último lance, Perotti, que havia acabado de entrar, ainda tentou finalização da entrada da área para dar a vitória ao time da casa, mas a bola foi para fora.

 

Por Redação Esporte Jundiaí