O conselho deliberativo do Santos rejeitou a venda do zagueiro jundiaiense Lucas Veríssimo ao Benfica de Portugal. A votação foi definida por ampla maioria nesta terça-feira, em reunião virtual. A proposta era de 6,5 milhões de euros (R$ 41,1 milhões) e a quantia seria paga em cinco parcelas.

Caso o Santos vendesse Veríssimo, o clube tentaria o adiantamento do dinheiro à vista através de um banco europeu – o Peixe detém 85% dos direitos econômicos.

Rollo também mostrou a proposta do Al Nassr-SAU (R$ 32 milhões à vista), que era mais vantajosa para o Santos, mas Veríssimo não se animou. Recentemente, o zagueiro teve direito de imagem adicionado em seus vencimentos e renovou com o clube até 2025.

Lucas Veríssimo é visto como um dos pilares de Cuca, mas a diretoria santista busca verbas para sanar as dívidas com o elenco e também com o Atlético Nacional em relação à contratação de Felipe Aguilar, em 2019. Além disso, o camisa 28 do Peixe vê no Benfica a oportunidade de ser convocado à Seleção Brasileira.


Por Redação Esporte Jundiaí - Foto: Divulgação