Carrasco da Copa de 1982, Paolo Rossi morre, segundo RAI - Esporte Jundiaí

Propagandas

Carrasco da Copa de 1982, Paolo Rossi morre, segundo RAI



Carrasco do futebol brasileiro na Copa do Mundo de 1982, faleceu nesta quarta-feira, o ex-atacante Paolo Rossi. A informação é da RAI, veículo dos mais importante de comunicação da Itália. Paolo Rossi tinha 64 anos.

A notícia foi dada pelo jornalista Enrico Varriale, da RAI, com um tweet: "Notícia muito triste: Paolo Rossi nos deixou. Pablito inesquecível, que nos fez apaixonar naquele verão de 82 e que tem sido um precioso e competente colega de trabalho na RAI, nos últimos anos. R.i.p. querido Paul".



Ainda não foi informada a causa da morte de Paolo Rossi.

Como atleta, foi o principal condutor do terceiro título mundial da seleção italiana de futebol, na Copa do Mundo de 1982. Isto incluiu o dia em que foi o carrasco da favorita Seleção brasileira, ao marcar os três gols da vitória italiana que desclassificou os sulamericanos, no que ficou conhecido como "tragédia do Sarrià" (o estádio em Barcelona onde realizou-se a partida), considerada uma derrota muito marcante na história da Seleção Canarinho. O jogo foi válido pela segunda fase de grupos,.

Rossi marcaria outras três vezes posteriormente e terminou também como artilheiro daquela Copa, tornando-se para seus compatriotas Il Bambino d'Oro ("O Menino de Ouro").

Ele é o único a ganhar os três principais prêmios da Copa em uma edição do torneio: o título, a artilharia e a eleição de melhor jogador. Apesar do físico frágil e pequeno, e de sucessivas lesões no joelho, marcou época também na Juventus onde marcou 57 gols em 162 jogos, sendo um dos grandes nomes da equipe de Turim na década de 1980.

 

Por Thiago Batista de Olim - Foto: Divulgação

Postar um comentário

0 Comentários