Uma decisão que foi tomada devido ao momento em que vivemos, a pandemia de coronavírus, pode ficar permanente ou, ao menos, mantida para 2021. Segundo o site O Curioso Futebol, nos bastidores, a Federação Paulista de Futebol (FPF) aventa a possibilidade de manter o Paulistão sub-20 de 2021 com uma única divisão, como foi em 2020. Até o momento, a entidade que rege o futebol de São Paulo não confirmou a informação publicamente.

A medida se ocorrer pode beneficiar o Paulista, que ano que vem jogará a Série B1 no profissional, e assim o sub-20 jogaria a Segunda Divisão.

Entre os dirigentes, há uma conversa forte de que a FPF estuda a possibilidade de todos os times filiados, inclusive aqueles que só disputariam as categorias de base, entrarem no mesmo campeonato sub-20 em 2021, como foi nesta temporada, ao contrário do que acontecia até 2019, onde os times da A1, A2 e A3 do profissional jogavam a Primeira Divisão e os outros (B1 e clubes sem atuação profissional) a Segunda Divisão.

Para 2020, por conta da paralisação devido à covid-19, a realização do Paulistão sub-20 foi posta em xeque. A FPF convocou os times que deveriam ser da Primeira e Segunda Divisões, separadamente, para ver quem estaria disposto a entrar na competição, e depois decidiu fazer um torneio único, que terminou com título do Palmeiras.

Porém, em muitos jogos não houve discrepância de resultados, com exceções, é claro, inclusive com uma equipe que seria da Segunda Divisão, o Flamengo de Guarulhos, chegando às oitavas de final, a possibilidade de se manter um campeonato único é estudada. Até porque outros clubes se interessaram a entrar na disputa em 2021 caso a divisão única, como é nas outras categorias de base, seja mantida.

Segundo informações, a competição teria início em maio e sua finalização dependeria do número de participantes. Porém, se caso confirme a divisão única, a competição pode ter número recorde de participantes, de acordo com dirigentes que pediram para não serem citados. A Federação Paulista de Futebol ainda não tornou pública a intenção, ou ao menos, a possibilidade de manter o Sub-20 com divisão única.


Por Thiago Batista de Olim - Foto: Divulgação