Números retratam evolução do Corinthians com Vagner Mancini - Esporte Jundiaí

Propagandas

Números retratam evolução do Corinthians com Vagner Mancini

Vagner Mancini, campeão da Copa do Brasil de 2005 pelo Paulista, assumiu o Corinthians na reta final do primeiro turno do Brasileirão deste ano, conseguiu tirar a equipe da zona do rebaixamento e colocá-la mais próxima do G-6. O treinador tem 11 jogos na competição, com seis vitórias, três empates e apenas duas derrotas.

De acordo com o SofaScore, o aproveitamento corintiano com Mancini praticamente dobrou em relação aos antecessores Tiago Nunes e o interino Dyego Coelho. Com o atual treinador, o Timão tem 63,7% de aproveitamento. Nos 11 jogos anteriores à sua chegada, o alvinegro conquistou apenas 33,3% dos pontos disputados.

A média de gols sofridos diminuiu consideravelmente, de 1,3 por partida para 0,9. Vale destacar que nas últimas cinco rodadas, o Timão sofreu apenas um gol.

O índice de grandes chances cedidas aos rivais caiu de 1,9 para 1,6 por partida. Antes de Mancini, os adversários alvinegros precisavam de 8,9 chutes em média para vazar o goleiro Cássio. O número aumentou para 11,3.

Mancini ainda busca aperfeiçoar o ataque. A média de gols marcados teve ligeira queda: de 1,1 para 1. Nas vitórias sobre São Paulo e Goiás, o Corinthians criou muitas chances e se estivesse com a pontaria mais calibrada teria vencido com placares mais confortáveis.

Contra o lanterna Goiás, na última segunda-feira, o Corinthians voltou a ser vazado após quatro jogos, mas conseguiu a primeira virada em 2020.


Por Thiago Batista de Olim - Foto: Divulgação

Postar um comentário

0 Comentários