Série D do Brasileirão: Nos pênaltis, Mirassol elimina o Caxias - Esporte Jundiaí

Propagandas

Série D do Brasileirão: Nos pênaltis, Mirassol elimina o Caxias

O Mirassol segue sonhando com o acesso no Campeonato Brasileiro da Série D. Na tarde deste domingo, o time paulista venceu o Caxias por 1 a 0, no Estádio José Maria de Campos Maia, em Mirassol, pelo duelo de volta da segunda fase da competição. A vitória por 1 a 0 deixou o placar agregado em 1 a 1 e assim levou o confronto aos pênaltis e o Mirassol fez 3 a 0, carimbando sua vaga na próxima fase.

Nas oitavas de final, o Mirassol terá pela frente o Brasiliense-DF, que no último sábado despachou o Real Noroeste do Espirito Santo. As partidas estão programadas para serem realizadas nos dias 20 e 27 de dezembro.

Em casa, o Mirassol encontrou seu gol aos 27 minutos do primeiro tempo. Moraes recebeu bom passe na grande área, foi para a linha de fundo e cruzou na cabeça de João Carlos, que testou forte para as redes de Marcelo Pitol. O detalhe é que este foi o primeiro gol do jogador com a camisa do Leão.

Nos pênaltis, o Mirassol foi melhor que o Caxias e venceu por 3 a 0. Curiosamente, o time gaúcho perdeu suas três cobranças com Diogo Oliveira, Jeferson e Claudinho. Pelo lado do time paulista, embora Patrick tenha perdido, Rafael Tavares, Neto e Fabrício estufaram as redes do goleiro Marcelo Pitol.


Ferroviária eliminada

A Ferroviária está eliminada do Campeonato Brasileiro da Série D. Após o empate sem gols na primeira partida, os grenás receberam o Marcílio Dias, no começo da noite deste domingo (13), na Arena da Fonte Luminosa, em Araraquara, e perderam por 2 a 1, pela rodada de volta da segunda fase.

Anderson Salles abriu o marcador para os mandantes no primeiro tempo, mas Alessandro e Luiz Renan garantiram a virada visitante na etapa complementar. Nas oitavas de final, os catarinenses vão enfrentar o Goianésia, que passou pelo Gama fazendo 4 a 3 no placar agregado após dois jogos. Cabe lembrar que apenas os semifinalistas vão subir para a Série C de 2021.


Por Thiago Batista de Olim - Foto: Divulgação

Postar um comentário

0 Comentários