Na tarde deste sábado (9), o Mirassol eliminou a Aparecidense-GO e retornou à Série C do Campeonato Brasileiro após 12 temporadas, divisão que participou por duas vezes: a primeira em 1995 e em 2008. O clube mirassolense coroa a ótima temporada com a melhor campanha no nacional desde 2011, quando ficou próximo do acesso.

O time comandado por Eduardo Baptista (ex-preparador físico do Paulista na conquista da Copa Paulista de 2011, no time dirigido por Wagner Lopes) chegou às semifinais com 38 pontos somando todas as etapas, apresentando um aproveitamento ligeiramente superior a 60%, das 20 partidas disputadas. Até o momento são 11 vitórias, cinco empates e apenas quatro derrotas, sendo duas delas ainda na primeira fase. Já as vitórias mais elásticas aconteceram em casa contra times paranaenses: 6 a 0 sobre o Toledo-PR, em jogo válido pela terceira rodada da primeira fase, e sobre o Nacional-PR, com 8 a 0, pela sétima rodada.

O retrospecto do Mirassol é positivo como mandante, tendo em vista que as quatro derrotas sofridas na Série D 2020 aconteceram em jogos fora de casa. Na atual edição nacional, foram 42 gols marcados e 15 gols sofridos. Um dos artilheiros da competição é o atacante Fabrício Daniel, que marcou nove gols, e quarto colocado na artilharia. A boa notícia é que Fabrício ainda pode alcançar o posto de artilheiro, que no momento pertence a Zé Love com 12 gols, atacante do Brasiliense-DF, clube eliminado pelo próprio Mirassol nas oitavas de final.

No segunda fase, o Mirassol eliminou o Caxias-RS nos pênaltis após uma vitória simples para cada lado. O clube paulista avançou nos pênaltis com vitória por 3 a 0. Nas oitavas de final, a equipe de Eduardo Baptista venceu o Brasiliense-DF em casa, por 4 a 0, e foi superada pelo rival na volta por 2 a 1, avançando no saldo de gols.

Já nas quartas, o Mirassol venceu, de virada, a Aparecidense-GO por 2 a 1 e concretizou a vaga com vitória por 3 a 2 na volta.

A atual campanha supera a de 2011, quando o Mirassol chegou muito perto de voltar à terceira divisão do campeonato nacional. Na oportunidade, o clube foi superado pelo também paulista Oeste, em disputa de pênaltis. Os demais classificados para a Série C serão conhecidos na tarde deste domingo (10).  


Por Redação Esporte Jundiaí, com Agência FPF - Foto: Divulgação