Covid: Jundiaí diminui taxa de ocupação de UTIs, mas oito morrem nas últimas 24h - Esporte Jundiaí

Propagandas

Covid: Jundiaí diminui taxa de ocupação de UTIs, mas oito morrem nas últimas 24h

A situação da pandemia da covid-19 em Jundiaí é dramática. A taxa de ocupação das UTIs por conta da covid-19 que era de 95% na rede pública e 96% na priva caiu um pouco nas redes pública e privada, mas ainda os números são preocupantes. E o pior: oito pessoas perderam a sua vida nas últimas 24 horas, totalizando 696 casos fatais pelo coronavírus, desde o início da pandemia, em março de 2020.


Outro dado que preocupa é o aumento de casos ativos na cidade. De 688 no boletim de quinta-feira ou salto para está sexta-feira foi de quase 200 casos: 885.


A taxa de ocupação das UTIs que era de 95% na rede pública agora é de 93% dos leitos exclusivos para covid-19. Dos 88 leitos, 82 estão ocupados, ou seja, apenas 6 leitos estão vagos. Na rede privada, os 133 leitos de UTI gerais têm 86% de ocupação, ou seja 114 estão ocupados, com 19 vagos. Nos leitos de enfermaria, Jundiaí tem 93 leitos dos 100 disponíveis na rede pública (93%) ocupados enquanto 275 dos 344 (80%) da rede privada ocupados.


Nesta sexta-feira, a Prefeitura de Jundiaí e o Hospital São Vicente de Paulo ampliam em mais 5 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) a ala pública dedicada exclusivamente para o tratamento de covid-19. Esta é a sétima ampliação no mês. A partir de agora são 88 leitos de UTIs e 100 leitos de enfermaria públicos para o atendimento da população. A ampliação, no entanto, alcança 98% da estrutura do hospital centenário, chegando próximo ao limite estrutural de atendimento.


O isolamento social em Jundiaí aumentou 3 pontos percentuais na comparação dos dados de quarta-feira para quinta-feira: de 34% para 37%, evolução fraca, já que o aceitável é 50% e o ideal é 70%.


Sobre a vacinação, Jundiaí já tem quase 40mil doses aplicadas – 39.527 doses já foram aplicadas, sendo que 28.344 receberam a 1ª dose e 11.193 as duas doses.

Postar um comentário

0 Comentários