Covid: Recorde em um único dia, Jundiaí contabiliza 11 mortos e passa de 700 óbitos - Esporte Jundiaí

Propagandas

Covid: Recorde em um único dia, Jundiaí contabiliza 11 mortos e passa de 700 óbitos

Um triste recorde Jundiaí bateu neste sábado: 11 mortos pela covid-19 nas últimas 24 horas foram contabilizadas. E com esse numero elevado de óbitos, Jundiaí ultrapassou a triste marca de 700 falecimentos pelo novo coronavírus. Até o momento, a cidade registra 707 óbitos causados pela covid-19 desde o início da pandemia.


Os piores dias da pandemia em Jundiaí foram em 11 e 17 de março deste ano e 22 de julho do ano passado, quando foram confirmadas nove óbitos no período de 24 horas.


Faleceram sete homens nas últimas 24 horas pela covid-19 com as seguintes idades: 44, 46, 66, 67, 72, 85 e 95 anos. Morreram ainda quatro mulheres pelo coronavírus confirmadas entre sexta e sábado com as seguintes idades: 51, 57, 63 e 71.


Também foram confirmados nas últimas 24 horas mais de 227 novos casos de covid-19, totalizando quase 30mil casos confirmados de coronavírus. Atualmente Jundiaí tem a triste marca de 29.253 infectados positivamente.


A Prefeitura de Jundiaí e o Hospital São Vicente de Paulo realizam, neste sábado (20), a oitava ampliação, neste mês, de leitos públicos dedicados ao tratamento de casos covid-19. A cidade passa a contar com 93 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 119 em enfermaria na estrutura do hospital. No atual momento, a cidade tem 92% dos leitos públicos de UTI para covid-19 ocupados, enquanto 86% dos leitos privados de UTI geral estão preenchidos.


O número total de leitos que o Hospital São Vicente pode chegar é de 232, com a oitava ampliação são 212 leitos exclusivos para covid, aproximando-se ainda mais do limite estrutural.

Postar um comentário

0 Comentários