Luciana brilha nos pênaltis, e Ferroviária avança para final da Libertadores feminina - Esporte Jundiaí

Propagandas

Luciana brilha nos pênaltis, e Ferroviária avança para final da Libertadores feminina

A Ferroviária está na grande final da Copa Libertadores da América de futebol feminino - 2020, que está sendo realizado na Argentina. No começo da noite desta quinta-feira (18), o time paulista ficou no empate sem gols com o Universidade de Chile no tempo regulamentar, mas levou a melhor nos pênaltis graças a goleira Luciana que pegou três pênaltis, vencendo por 7 a 6 e carimbando o passaporte para a decisão.


Agora, a Ferroviária irá enfrentar o América de Cali na grande final, que na tarde de quarta-feira (17) eliminou o Corinthians também nos pênaltis. A decisão está marcada para o próximo domingo (21), às 19h45 (horário de Brasília), no estádio José Amalfitani, em Buenos Aires. Já o time chileno irá encarar o Corinthians na disputa pelo terceiro lugar, às 15h.


A partida foi bastante movimentada desde o seu início, com chances para os dois lados. A melhor chance da Ferroviária no jogo veio no inicio do segundo tempo. Sochor tabelou com Aline Milene, invadiu a área, mas de cara para o gol, chutou pra fora. Nos minutos finais, os dois times foram para o tudo ou nada, mas o tempo regulamentar terminou mesmo com o empate sem gols.


Nos pênaltis, a Ferroviária saiu em na frente, já que Luciana pegou o primeiro pênalti cobrado pelo Universidade de Chile. Apesar disso, Gessica perdeu o terceiro pênalti do time paulista e o duelo ficou empatado. Mas, nas cobranças alteradas, a goleira brasileira defendeu mais duas cobranças e as Guerreiras Grenás venceram por 7 a 6.

Postar um comentário

0 Comentários