Propagandas

Uefa quer realizar final da Liga dos Campeões da Europa com público em Istambul

Sem um total controle da pandemia do coronavírus e a vacinação ainda em ritmo lento, a Uefa pode estar causando uma dor de cabeça com a final da Liga dos Campeões. Isso porque a entidade quer realizar a final da competição com público, no dia 29 de maio. A situação fica ainda pior quando o presidente da entidade, Aleksander Ceferin, ameaça retirar as cidades que não aceitarem público na disputa da Eurocopa, que acontece nos meses de junho e julho.


De acordo com informações do ESPN FC, a Uefa acredita que o público poderá estar presente no estádio Olímpico Ataturk, em Istambul. O local seria a final da edição passada da Champions, mas a pandemia mudou tudo. A entidade retomou o torneio a partir das quartas de final em sede única, em Lisboa, no mês de agosto de 2020. Istambul passou a ser a sede da final de 2021.


A Liga dos Campeões esta temporada já passou por algumas mudanças em relação a sede dos jogos. Este foi o caso de Atlético de Madrid x Chelsea, que uma das partidas ocorreu em Bucareste; Liverpool x Leipzig ocorreu em Budapeste e Manchester City x Borussia Gladbach também aconteceu em Budapeste.


Segundo as informações, as quartas e semifinais ainda serão sem público, mas a Uefa acredita que haverá torcedores na final do torneio.


A Europa mantém o programa de vacinação e este é o otimismo da Uefa para colocar público no estádio Olímpico Ataturk. São poucos os países atualmente que permitem torcedores no estádio, como é o caso da Rússia.

Postar um comentário

0 Comentários