Último gol do Paulista com torcida no Jayme Cintra completa 1 ano neste domingo - Esporte Jundiaí

Propagandas

Último gol do Paulista com torcida no Jayme Cintra completa 1 ano neste domingo

Foto: Gustavo Amorim / Divulgação - Paulista FC

Faz exatamente um ano, na suada vitória sobre o Primavera de Indaiatuba, no estádio Jayme Cintra, pela 10ª rodada da primeira fase da Série A3, que 632 torcedores do Galo viram com seus próprios olhos nos cimentos ou cadeiras do ‘caldeirão do Galo’, o último gol da equipe com eles presentes no local. Desde então, gols o Paulista fez no Jayme Cintra (três), mas sem os seus apaixonados torcedores presentes no estádio.


Em 7 de março do ano passado, o Paulista venceu o Primavera por 1 a 0. Os 632 torcedores presentes no Jayme Cintra tiveram um roteiro perfeito de vitória suada: com um gol de pênalti, aos 10 minutos do segundo tempo. O zagueiro Zulu, jogando na época de volante, fez o último tento do Paulista no Jayme Cintra, com torcida presente.


O jogo foi dramático, já que cada time na reta final da partida teve um jogador expulso (Zé Augusto pelo Primavera e Matheus Johnson pelo Tricolor). Foi a segunda vitória de apenas três do Paulista em toda a competição.


Depois de 7 de março de 2020, o Paulista jogou mais duas vezes no Jayme Cintra e marcou gols – dois na derrota por 3 a 2 para o Olímpia e um no empate por 1 a 1 com o Linense – entre os meses de setembro e outubro. Mas o torcedor somente pode ver fora do Jayme Cintra – alguns (teimosos) no barranco que tem próximo do estádio ou pela televisão. Alguns somente ouviram o gol pelas ondas do rádio (Difusora, única na cidade que transmite), já que não tem uma internet de boa qualidade para assistir as partidas.


Foto: Gustavo Amorim - Divulgação / Paulista FC


Também foi a última vez que o Paulista pode faturar com bilheteria. Os 632 torcedores fizeram uma renda de R$ 7.670, sendo que o Paulista pode ficar com R$ 5.449,29, já que R$ 2.220,71 foram gastos com despesas como impostos, bilheteiros e equipe de apoio.


E pelo jeito vai demorar um pouco para o torcedor do Paulista voltar ao estádio Jayme Cintra para ver de perto um jogo do Galo e o Paulista pode faturar com bilheteria. A pandemia neste momento atinge o seu pior momento no Brasil, a vacinação no país está lenta (no estado de São Paulo menos de 5% foram vacinados até este sábado) e a Bezinha, Série B1 do Paulistão, deve começar apenas no segundo semestre – provavelmente no mês de julho. No momento, gols do Paulista para assistir o torcedor somente em vídeos na internet – nas redes sociais como Youtube.

Foto: Divulgação - Gustavo Amorim - Paulista FC

Postar um comentário

0 Comentários