Basquete: Clubes aprovam sistema de minissedes para fase decisiva do NBB - Esporte Jundiaí

Propagandas

Basquete: Clubes aprovam sistema de minissedes para fase decisiva do NBB

As oitavas e quartas de final da edição 2020/21 do Novo Basquete Brasil (NBB) serão disputadas no sistema de minissedes, nos ginásios dos clubes de melhor campanha na primeira fase. A decisão foi tomada durante reunião ontem (1º) do Conselho de Administração da Liga Nacional de Basquete (LNB), responsável pela competição.


Os quatro primeiros colocados na primeira fase do NBB avançam direto às quartas de final. Os times do quinto ao 12º têm de passar pelas oitavas. As equipes que terminarem na liderança e na segunda posição sediarão, cada uma, dois confrontos das oitavas e dois das quartas - entre eles o próprio duelo. O time que possuir a melhor campanha entre os semifinalistas receberá as partidas finais da competição. As datas dos playoffs ainda serão anunciadas.


Os duelos das oitavas e quartas, ao contrário do planejamento inicial, serão realizados em melhor de três jogos - quem vencer dois avança de fase. A partir das semifinais, os confrontos serão em melhor de cinco partidas. Todos os jogos, a partir da fase eliminatória, terão auxílio da arbitragem de vídeo (Instant Replay).


Devido à pandemia do novo coronavírus (covid-19), o NBB é disputado em sedes desde o primeiro turno, com ginásios específicos recebendo uma sequência de jogos, em formato de bolha, sem público. Segundo a LNB, a medida buscou diminuir o deslocamento das equipes e ter maior controle do protocolo sanitário determinado para o torneio. O formato foi mantido para o segundo turno. Na primeira metade do campeonato, foram feitos mais de 8,3 mil testes ao longo de 194 partidas, com 96 casos positivos (65 atletas, 21 membros de comissão técnica e dez árbitros).


Com informações da Agência Brasil

Postar um comentário

0 Comentários