MBAPDAY! Frances marca dois gols e PSG vence o Bayern em Munique pela ‘Champions’ - Esporte Jundiaí MBAPDAY! Frances marca dois gols e PSG vence o Bayern em Munique pela ‘Champions’

O Bayern de Munique saiu perdendo por 2 a 0 para o PSG, com dois erros coletivos e individuais do seu sistema defensivo. Mas o time alemão tem força para buscar resultado. Só que do outro lado tem um francês que está jogando muita bola e que merece a cada dia o prêmio de melhor do mundo. E decidiu. Mbappé marcou dois gols e o PSG venceu o Bayern por 3 a 2 pelo jogo de ida das quartas de final. Neymar, apesar das duas assistências para o gol, ficou mais apagado do que ligado durante os 90 minutos do jogo.


Na próxima terça-feira, em Paris, no jogo da volta, o PSG se classifica com um simples empate ou derrotas por um gol de diferença até 2 a 1. O Bayern, que conheceu a sua primeira derrota em duas temporadas na ‘Champions’, somente se classifica de forma direta se vencer por dois gols de diferença ou por um gol a partir de 4 a 3.


Estatísticas do jogo não mostram o que foi o jogo

Os números do jogo não traduzem a realidade da partida. O Bayern finalizou 31 vezes, mas somente 12 ao gol, mostrando uma ineficiência fora do comum da equipe. O PSG apenas finalizou 6 vezes, só que mostrou muita eficiência: foram cinco no alvo, sendo três virando gol. 


Foram 14 escanteios dos alemães contra apenas um dos franceses. E o Bayern teve 63% da posse de bola, contra 37% do PSG. Só que no futebol o que vale é bola na rede – e foram 3 do time de Paris, contra 2 da equipe de Munique.


O jogo

O primeiro gol do PSG foi aos 3 minutos de jogo. Em rápido contra-ataque, Neymar passou a bola para Mbappé que estava livre na esquerda. O camisa 7 chutou a bola que era defensável para Neuer. Só que o goleiro alemão tomou um frango.


Aos 28 minutos, em um lançamento estilo “bumba meu boi na área” de Neymar – estilo chutão, a bola encontrou Marquinhos que teve a frieza de um camisa 9 para fazer 2 a 0 para o PSG.


Logo após o gol marcado, Marquinhos se lesionou, e saiu da partida e o sistema defensivo do PSG que já estava perdido ficou caótico. Aos 37 minutos, após cruzamento de Pavard, Choupo-Moting de cabeça fez o primeiro dos bávaros. No segundo tempo, aos 15 minutos, após cobrança de falta de Kimmich, novamente no jogo aéreo, o Bayern empatou com o interminável Thomas Muller.


Só que tem Mbappé nunca está perdido. Em grande arrancada do francês pela esquerda, tirou da marcação e no contrapé de Neuer, bateu rasteiro e fez o gol da vitória do Paris.


Outro confronto

Em Sevilha, o Chelsea venceu do Porto por 2 a 0. Este jogo ocorreu com mando do Porto. Mason Mount e Chiwell fizeram os gols dos londrinos. A partida de volta na próxima terça-feira, novamente será em Sevilha, desta vez com mando do clube inglês, que joga até por derrota de um gol de diferença para voltar a ser semifinalista depois de nove temporadas.