Santos da Vila Maringá bateu na trave no acesso por três oportunidades - Esporte Jundiaí

Propagandas

Santos da Vila Maringá bateu na trave no acesso por três oportunidades

Entre as temporadas 2011 e 2015 o Santos, não o da Baixada Santista, mas sim o da Vila Maringá, disputou a Série B do Campeonato Amador de Jundiaí. E por três vezes disputou a fase eliminatória da competição, batendo na trave a conquista do acesso a elite.

O Santos disputou a segunda fase da competição nos anos de 2013, 2014 e 2015 e por muito pouco não obteve o acesso – quando quatro clubes ascendiam de divisão.

Em 2013 disputou o octogonal final, e somente obteve duas vitórias, ficando cinco pontos longe do quarto colocado, o Caixa D’ Água não obtendo o acesso.

No ano seguinte, ficou em quinto na classificação geral, novamente batendo na trave de subir a 1ª divisão. Em 2015, a segunda fase era eliminatória e em jogo único. O Peixe perdeu do CQC por 2 a 1, e novamente viu o sonho do acesso ir embora.

Na Série B do Amador de Jundiaí, disputou 62 jogos entre 2011 e 2015. Foram 29 vitórias, 13 empates e 20 derrotas. Foram exatamente 100 pontos conquistados em cinco temporadas – média de 20 pontos por ano. A equipe marcou 119 gols e sofreu 92.

A maior goleada do Santos nestes quatro anos de Série B foi um 9 a 2 sobre o Timeco, em 30 de junho de 2013, no Benedito de Lima.

Postar um comentário

0 Comentários