Thiago Batista: Neste século, o Paulista de Jundiaí É MAIOR do que o Botafogo do Rio - Esporte Jundiaí

Propagandas

Thiago Batista: Neste século, o Paulista de Jundiaí É MAIOR do que o Botafogo do Rio

O Botafogo neste sábado completou uma semana trágica no seu primeiro semestre. Mas nada que não seja normal no caminho do clube neste século. Foi eliminada ainda na 2ª fase da Copa do Brasil, não ficando nem entre os 32 melhores clubes do torneio, e foi oficialmente eliminado ainda na 1ª fase do Campeonato Carioca, onde corre sérios riscos até de não disputar o “Torneio de Consolação”, cujo apelido é Taça Rio. Chamar HOJE, o Botafogo de Futebol e Regatas de clube grande é OFENISVO aos outros 11 times, que estes sim são MUITO GRANDES na história do futebol. E neste século o PAULISTA DE JUNDIAÍ É SUPERIOR ao BOTAFOGO DO RIO. SIM, NÃO LEU NÃO ERRADO. E estou sóbrio.

Quantas finais nacionais o Botafogo disputou neste século? Quantos títulos internacionais o Fogão conquistou neste século? Quantos títulos no total o Botafogo ganhou neste século? Nos 1º e 3º itens, o Paulista SUPERA o Botafogo. No 2º itens está empatado em 0 a 0. Século que começou em 2001. Portanto, o PAULISTA É SIM MAIOR QUE O BOTAFOGO DO RIO, HOJE.

Paulista pode estar na 4ª divisão do Campeonato Paulista. O Botafogo se bobear daqui a pouco chega a 2ª divisão do Campeonato Carioca, que convenhamos, é do mesmo nível ou até pior que a ‘Bezinha’ paulista.

Vamos a resposta do 1º item: Quantas finais nacionais o Botafogo disputou neste século?. Botafogo nem chegou a final de Copa do Brasil. Máximo foi ser semifinalista em três oportunidades (2007, 2008 e 2017). O Paulista conseguiu ir muito mais longe – foi finalista em uma vez e superou o Fluminense, em 2005 na decisão, em pleno Rio de Janeiro. Então, 1 a 0 para o Paulista, aqui.

Vamos a resposta do 2º item: Quantos títulos internacionais o Fogão conquistou neste século? Zero. Ambos nem sequer chegaram a uma semifinal. Paulista somente disputou uma vez a Libertadores e caiu na 1ª fase. Botafogo esteve apenas em duas edições da Libertadores. DUAS! Uma caiu também na fase de grupos e outra foi até as quartas de final. Sul-Americana esteve em oito oportunidades e nunca chegou a semifinal. Aqui, 0 a 0.

Agora a resposta do 3º item: Quantos títulos no total o Botafogo ganhou neste século? Nessa conta não entram títulos de turnos. O Botafogo venceu neste século: quatro vezes o Campeonato Carioca (2006, 2010, 2013 e 2018) e uma vez a Série B do Brasileirão (2015). E só. Cinco títulos profissionais no total. O Botafogo de todos os campeonatos que disputou, seja torneios fortes ou não, somente ganhou 5 títulos.

Agora o Paulista, que apesar de não disputar campeonatos mais fortes, nas competições que entra tem responsabilidade de faturar, como deveria ocorrer com o Botafogo. O Paulista neste século faturou uma Copa do Brasil (2005), uma Série C do Campeonato Brasileiro (2001), duas Copas Paulista (2010 e 2011), uma Série A2 do Paulistão (2001) e um título Paulista da Série B1 (ou da Segunda Divisão sub-23 como queira chamar, em 2019). Ou seja, faturou seis títulos.

Torcedores de Botafogo gritaram menos vezes quantidade de vezes “É campeão” que torcedores do Paulista. Isso mesmo. SEIS para o PAULISTA contra CINCO do BOTAFOGO!

Você pode argumentar que Botafogo do Rio e Paulista de Jundiaí estão no mesmo nível. Agora dizer que o Botafogo do Rio é superior ao Paulista de Jundiaí hoje é uma GRANDE MENTIRA! MENTIRA DAS GRANDES.

E o pior de tudo está OFENDENDO 11 grandes clubes do futebol brasileiro. Pois Flamengo, Palmeiras, Corinthians, São Paulo, Santos, Atlético Mineiro, Grêmio, Internacional, Cruzeiro e até mesmo Vasco da Gama e Fluminense. Estes são muito superiores ao BOTAFOGO. E eu coloco na lista um 12º, que se chama Athletico Paranaense.

Você falar que o Botafogo do Rio é um clube grande perto de torcedores de Flamengo, Palmeiras, Corinthians, São Paulo, Santos, Atlético Mineiro, Grêmio, Internacional, Cruzeiro, Vasco da Gama e Fluminense e Athletico Paranaense está OFENDENDO eles, devendo pedir desculpas a estes torcedores por chamar o Botafogo do Rio de grande perto deles.

História não se apaga. Mas a linha de um clube pode se modificar. A história do Botafogo é magnífica nos anos 60 e 70. E só. O respeito se conquista sempre no campo. E hoje o Botafogo do Rio NÃO MERECE NENHUM RESPEITO DA MINHA PARTE. Se meu time perder do Botafogo do Rio, até mesmo na Série B do Brasileiro, eu “cuspiria abelha africana e ficaria furioso”. Até mesmo se eu fosse torcedor do Confiança do Sergipe. Respeitaria Cruzeiro, Vasco e até mesmo o Coritiba (duas vezes finalista da Copa do Brasil neste século – década passada, lembram?) nesta Série B. Agora Botafogo do Rio – DE JEITO NENHUM.


PS: Antes que venham escrever, não sou santista, tá.


Thiago Batista é jornalista e editor-responsável pelo Esporte Jundiaí. Trabalha desde 2006 na área, com passagens no Lance (Caderno do Interior – cobrindo o Paulista), Agência Bom Dia, Jornal da Cidade e Jornal de Jundiaí, Rádio Cidade Jundiaí, Rádio Difusora Jundiaí, TV Japi e TVE Jundiaí.

Postar um comentário

0 Comentários