Thiago Batista: Quando o Cartolouco será banido do futebol e do jornalismo? - Esporte Jundiaí

Propagandas

Thiago Batista: Quando o Cartolouco será banido do futebol e do jornalismo?

Temos um ser, cuja a alcunha é conhecida como Cartolouco está inscrito como jogador de futebol PROFISSIONAL do Resende na 1ª divisão do Campeonato Carioca. Um cara que não sabe sequer chutar uma bola – se é que a conhece a pelota, que não sabe uma vírgula do que é jornalismo – apesar de ter estudado quatro anos, mas não sabe sequer fazer uma reportagem decente, tem tanta visibilidade em pleno 2021? Esse ser deveria estar neste momento banido do futebol – sequer ter feito parte, e também do jornalismo.


Pois jornalista segue regras. Não faz guerrinha de álcool no momento que muitas famílias gostariam de ter esse item até para sua sobrevivência. Que não tenta invadir cabine do VAR por ‘bel prazer’ porque acha importante invadir a cabine. Isso não é jornalismo. É coisa de bandidismo.


Jogador de futebol tem um mínimo de trajetória. Pelo menos formação. Existem duas faculdades para ser jogador de futebol: as categorias de base, quando começa alguns ainda no sub-9, mas a grande maioria é no sub-15. E a outra faculdade é o ‘futebol de várzea’, que em Jundiaí é conhecido como ‘futebol amador’, quando todo domingo a pessoa acorda cedo para jogar bola, encarando aquela partida como uma final de Copa do Mundo. Cartolouco não passou em nenhuma das duas.

 

Pelo contrário foi inscrito como JOGADOR PROFISSIONAL, mas não para tentar ajudar o Resende a ganhar um jogo do Campeonato Carioca. E sim promover a sua porcaria de canal de Youtube. Que utilidade ele está trazendo ao futebol: ZERO. Cartolouco não deve saber sequer o que é marcação pressão. Nem sabe roubar uma bola. Mas roubar vaga de jogador profissional isso sabe fazer bem.


E ainda é ‘estrelinha’ de matéria da Espn Brasil. Ainda bem que o bom jornalismo, algo que o senhor Cartolouco não conhece, foi muito bem feito pelos comentaristas Mário Marra e Eugênio Leal, que detonaram a postura do pseudo-atleta – pois é pseudo, pois repito: não sabe sequer tocar em uma bola.


O seu banimento do futebol e do jornalismo é necessário. Não serve. Fez faculdade de jornalismo, mas não sabe sequer fazer uma reportagem minimamente decente. Somente sabe gritar igual que pavão no zoológico. Pena que no Brasil não existem regras. Aqui pode de tudo, pois é o país que não tem regulamentação alguma.


Espero que acabe essa onde de jornalista ou pseudo-jornalista sendo jogador de futebol. Jogador de futebol é coisa séria. Até mesmo no futebol amador ou de várzea. Quer brincar de futebol senhor Cartolouco: alugue uma quadra e pague o valor de mensalista para jogar futebol. Mas jogar futebol não. Nem no Campeonato Amador de qualquer cidade do Aglomerado Urbano de Jundiaí – pois aqui o senhor não teria espaço em time algum. E aproveita e aprenda a chutar um pênalti.

Postar um comentário

0 Comentários