Pela 2ª rodada seguida, ‘Bezinha’ não tem jogo disputado. Falta de policiais - Esporte Jundiaí Pela 2ª rodada seguida, ‘Bezinha’ não tem jogo disputado. Falta de policiais

Pela segunda rodada consecutiva, uma partida da Série B1 do Paulistão, a popular ‘Bezinha’ não ocorreu. Depois de Barcelona e Paulista, no domingo, desta vez a bola não rolou entre Osvaldo Cruz e Santacruzense. A súmula da partida, escrita pelo árbitro Douglas Marques das Flores, informa que por conta da falta de policiamento no estádio Breno Ribeiro do Val, em Osvaldo Cruz, a partida não foi realizada.

A princípio, o atraso era por conta da falta do policiamento, mas segundo a Rádio Rádio Max FM, de Osvaldo Cruz, o local não contava mais com o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB), vencido na terça-feira. Com isso, o policiamento não compareceu, nem mesmo depois do horário programado para começar a partida. A não presença de policiais no estádio foi relatado também pelo árbitro Douglas Marques das Flores na súmula do jogo.

“Informo que o policiamento não compareceu ao estádio para a realização da partida. Quando ainda aguardávamos fui informado as 15h40 pelo delegado da partida, senhor: Ronnie Perscilio Simões, que o policiamento chegaria às 15h50, sendo assim aguardamos até o horário informado e posteriormente devido a não chegada do policiamento a partida não foi realizada”, descreveu.

O caso deverá ser analisado pelo Tribunal de Justiça Desportiva (TJD-SP), mas a tendência é de que seja decretado W.O. a favor da Santacruzense, que assim vencerá a partida pelo placar administrativo de 3 a 0. O Osvaldo Cruz deverá ser punido com a derrota, pois as obrigações legais para uma partida ser realizada, especialmente a segurança do estádio, sempre são do time mandante.