Santos demite Fernando Diniz, após derrota para o Cuiabá - Esporte Jundiaí Santos demite Fernando Diniz, após derrota para o Cuiabá

O Santos demitiu na tarde deste domingo o treinador Fernando Diniz, após a derrota para o Cuiabá por 2 a 1 pelo Brasileirão. A passagem do ex-treinador do Paulista, São Paulo, Fluminense e Athletico-PR no Peixe foi de apenas quatro meses.

O treinador foi comunicado ainda em Cuiabá, após reunião com o presidente Andres Rueda e o executivo de futebol, André Mazzuco. Até a partida contra o Cuiabá, o treinador comandou o Peixe em 27 jogos com 10 vitórias, 7 empates e 10 derrotas. Para o lugar do do ex-treinador do Paulista (campeão da Copa Paulista de 2010 pelo time jundiaiense), os nomes mais lembrados pelos torcedores do Peixe nas redes sociais são de Dorival Júnior e Fábio Carille. Outro nome possível, pois está no mercado, é o de Guto Ferreira.

Fernando Diniz foi contratado em maio para vaga do argentino Ariel Holan. Em sua estreia, venceu o Boca Juniors, na Copa Libertadores. Só que não demorou muito para os resultados ruins começaram aparecer. Eliminação na Copa Libertadores, Sul-Americana e a situação difícil na Copa do Brasil renderam críticas ao treinador.

Além disso, o Santos está na 13º colocação do Brasileirão com apenas 22 após 19 jogos, e pode fechar o primeiro turno apenas um ponto à frente do primeiro time na zona de rebaixamento.